domingo, 15 de abril de 2007

Bulhão Pato - I

É quase impossível pensarmos em Bulhão Pato sem pensar nas suas receitas e muito especialmente nas popularíssimas ameijoas. Talvez ele as tivesse imaginado de outro modo mas há muitas variantes da receita. Há quem use banha, quem misture vinho branco, limão ou vinagre, quem ponha salsa ou quem carregue ainda mais no sal durante a preparação, apesar da água de demolhar as ameijoas já ser carregada de sal. Eu faço-o deste modo, que é como gosto mais.

Ameijoas à Bulhão Pato (à minha maneira)

As coisas que leva (2-3 doses):

Meio quilo de ameijoas
2 colheres de sopa de azeite
1 colher de sobremesa de massa de alho (ou 4 dentes de alho)
1 molhinho de coentros picados e pimenta qb
sal para a água de demolhar
1 limão (para tempero na mesa)

Como fazer:

Demolhar as ameijoas em água com muito sal, para largarem a areia durante cerca de 30 minutos. Escorrer, e repetir igual processo pelo menos 2 vezes mais.

Se for ameijoa congelada já limpa, basta efectuar o processo uma única vez: a ameijoa descongela nessa meia-hora e vai ganhar a água com sal que é necessário que ganhe, para o cozinhado.

Levar ao lume o azeite e os alhos, ou a massa de alho e juntar os coentros picados. Polvilhe com um pouco de pimenta e mexa tudo. Quando começar a ferver junte as ameijoas. Retire-as da água para a panela com uma escumadeira.

Mexer de vez em quando (cada 2-3 minutos) para não agarrar (eu costumo mexer levantando a panela pelas asas e abanando a panela sem lhe tirar a tampa). Mantenha a panela sempre tapada. O lume deve ser médio ou brando. Passado 10 minutos o preparado já estará concluído. Quando abrir a panela verificará que as ameijoas estarão abertas e cozidas no refogado.

Vase o conteúdo da panela para uma travessa. Use o limão cortado em quartos para enfeitar e acompanhar as ameijoas (para cada um temperar o seu prato a seu gosto).

Sem comentários:

Enviar um comentário